Saiba de uma vez por todas! O que é gastronomia e como é o cotidiano dos profissionais dessa área.

02.03.2021
o que é gastronomia

Saber o que é gastronomia vai muito além de descobrir sobre o que se trata a profissão.

A gastronomia, para muitos, é uma paixão em forma de arte na qual existe a possibilidade de fazer com que diversas atividades sejam exercidas em uma só.

Na faculdade de gastronomia, o profissional irá aprender a manusear e preparar os alimentos, além de aprender sobre como funciona a gestão, segurança alimentar e os processos industriais.

O dia a dia de quem é um chef de cozinha pode ser uma coisa muito dinâmica ou muito rotineira. Tudo vai depender de onde ele trabalha e qual a intenção do profissional em sua carreira.

Isso porque quem trabalha com gastronomia não fica preso apenas ao rótulo de ser chef.

Sendo assim, você pode atuar como um consultor de restaurante, como um professor de gastronomia, fora outros campos de atuação.

Se você quer saber mais sobre essa profissão, então continue lendo este artigo.

O que é Gastronomia?

A gastronomia é uma área que junta várias técnicas, práticas e conhecimentos que ajudam a construir uma alimentação de qualidade para as pessoas.

Sendo assim, você trabalha de maneira direta com a segurança dos alimentos garantindo a todo custo que as normas de higiene, preparo e manipulação sejam cumpridas de maneira correta.

Todas as atividades que envolvem alimentos podem se utilizar do termo gastronomia. Além disso, os graduandos de gastronomia podem trabalhar em uma série de funções no mercado de trabalho sem que fiquem apenas na cozinha, como dissemos.

Para quem deseja crescer na carreira, a melhor maneira é começar por um curso de gastronomia e sempre ir acrescentando mais qualificações em seu currículo.

As chances de um salário melhor e de um bom emprego acabam sendo maiores quando o conhecimento na área é diverso.

Como funciona a rotina de quem trabalha com gastronomia?

Para saber mais a fundo o que é gastronomia, é necessário entender outros aspectos dentro da profissão, como as técnicas, a rotina profissional, as paixões e a importância da profissão na sociedade.

Em geral, as pessoas que optam por cursar gastronomia tem em seu interior desde sempre a vontade de cozinhar e se interessam por pratos diferentes, gestão de restaurantes, entre outras vontades.

Sendo assim, como em toda profissão, é muito mais interessante que o profissional entre na área quando ele já tem um interesse nato pelo ofício.

Assim, ele conseguirá se desenvolver melhor em seu ramo.

A paixão é muito importante para mover uma profissão e fazer com que uma pessoa se destaque dentro dela, pois esse sentimento forte gera interesse e vontade de aprender a fazer melhor sempre.

Por exemplo, um chefe de cozinha além da paixão por cozinhar, deve também ter a paixão por saber liderar.

Isso porque em sua rotina, o chef é responsável por supervisionar o ambiente para que tudo saia conforme o planejado previamente.

Portanto, o chef é responsável por:

  • Fazer toda a elaboração de cardápio;
  • Organizar a escala dos funcionários;
  • Definir também a hierarquia na cozinha;
  • Separar a equipe por setores, onde cada um tem um papel importante.

Agora, por exemplo, uma pessoa que opta por ser gerente de alimentos e bebidas irá cumprir um papel completamente diferente do chef, mas igualmente necessário dentro de um restaurante.

Isso porque é ele que organiza toda a estrutura com relação a alimentos e bebidas junto com outros profissionais. Ainda, fica responsável por montar as equipes de salão e da cozinha.

O que é gastronomia na rotina de um chef?

Para quem quer entender melhor como funciona a rotina de quem trabalha com gastronomia, então veja a seguir.

Em geral, antes iniciar o dia de serviço, é necessário que a equipe leia a abertura do cardápio. Ali, estará especificado tudo o que será necessário realizar durante o decorrer do dia.

Há também a conferência do cardápio semanal pois podem haver alterações durante o dia a dia.

Assim que as atividades começam, a primeira coisa a se fazer é a separação dos alimentos do dia a serem preparados. Assim, a rotina vai seguindo entre preparação do prato, montagem, reposição e também recebimento de mercadorias.

Algumas pessoas dentro da equipe ficam responsáveis por criar a lista dos alimentos e matérias-primas que foram usados no dia pela cozinha. Isso é fundamental para que haja um controle de custo.

Os responsáveis pela montagem dos pratos devem ficar atentos à ordem que a ele chega. Isso porque é fundamental que os pedidos saiam na ordem para que não haja confusão e nem atraso de pedidos, evitando que os clientes não reclamem.

Na rotina de quem trabalha com gastronomia, a higiene e limpeza são atividades que não podem faltar e também devem estar fortemente presentes.

Portanto, os profissionais devem sempre zelar não só pelo seu uniforme, como também por seu ambiente de trabalho.

Sendo assim, todos os dias deve ocorrer a limpeza dos utensílios, dos equipamentos e do local.

Qual o perfil ideal para entrar na profissão?

Para que você possa ser um profissional de respeito, é necessário que você possua algumas características que a área pede.

Saber cozinhar e gostar do que faz é a primeira coisa. Mas além disso, é necessário que o profissional desenvolva habilidades diferentes que complementem a profissão.

Por exemplo, a organização é um dos fatores que destacam muito o profissional, assim como a disciplina e gerenciamento de tempo.

Essas características são completamente necessárias no ramo da gastronomia.

Além de tudo isso, a gastronomia é uma profissão que se faz em equipe. Portanto, é vital que o profissional saiba valorizar isso e seja capaz de fazer com que o trabalho em equipe aconteça.

Dentro disso, o profissional deve ter:

  • Boa comunicação;
  • Paciência;
  • Clareza;
  • Agilidade;
  • Compreensão;
  • Saber ouvir;
  • Entre diversas outras características.

Onde o profissional pode exercer suas técnicas?

Depois de ter passado pelo curso de graduação ou pelo técnico, o profissional já se encontra apto a exercer sua atividade.

Sendo assim, pode escolher entre várias opções de trabalho, como:

  • Restaurantes;
  • Bares;
  • Padarias;
  • Cafés;
  • Hotéis;
  • Pousadas;
  • Resorts;
  • Cruzeiros;
  • Empresas de catering;
  • Produtora de eventos;
  • Indústrias de alimentação;
  • Editoras de livros/revistas gastronômicas;
  • Empresas de planejamento e estruturação de cozinhas;
  • Consultórios gastronômicos;
  • Serviços de personal chef.

A média salarial para um profissional bem no início de sua carreira é por volta de R$2.600.

No entanto, com o tempo de experiência e as qualificações necessárias, a renda desse profissional pode triplicar.

Papel da gastronomia na sociedade

Desde o princípio da humanidade a gastronomia coloca sentido através dos pratos. Cada cultura experimenta uma culinária diferente, com um significado diferente.

Sendo assim, para que se conheça a cultura e a influência de um lugar, também é necessário que você conheça a gastronomia local.

Há quem ache isso irrelevante, mas se fosse de fato, não haveria tantas diversificações presentes no mundo.

Quando uma pessoa se empenha em estudar gastronomia, ela também estudará a história e os principais sistemas alimentares, incluindo hábitos, cultura, história e tudo a respeito de uma determinada região.

Por exemplo, a cozinha mediterrânea é até hoje um bom exemplo do impacto que a culinária oferece.

Isso porque muita gente é adepta ao modelo de alimentação mediterrânea, portanto, é necessário que se estude sobre isso.

Um bom profissional da gastronomia transita por todos os cantos e sabe um pouco sobre todas as técnicas e fundamentos de cada especialidade da culinária.

Então, em um curso profissionalizante, você aprenderá:

  • A antropologia da alimentação;
  • A culinária básica;
  • Carnes, peixes, frutos do mar;
  • Cozinha americana;
  • Cozinha asiática;
  • Confeitaria;
  • Cozinha brasileira;
  • Cozinha francesa;
  • Culinária criativa;
  • Cozinha mediterrânea;
  • Cozinha vegetariana;
  • Entre outros.

O mercado de trabalho está sempre muito aberto e receptivo, o que o deixa sempre cada vez mais aquecido e competitivo.

Hoje em dia, a maior parte dos restaurantes buscam por um cardápio diferente dos demais, então, a busca por profissionais inovadores está sempre em alta.

As melhores oportunidades de emprego sempre estarão nas regiões onde o turismo é mais movimentado.

Em uma consideração final, a gastronomia é uma profissão muito importante, pois lida com uma necessidade básica do ser humano e a transforma em pratos incríveis, cheios de cultura e informação.

Em geral, a vida dos profissionais dessa área é bastante corrida, independentemente do ramo que escolhem seguir. Isso porque, lidam com ingredientes, mão na massa e pessoas. Conciliar tudo isso é um trabalho realmente que exige muito esforço, ao contrário do que muitas pessoas pensam.

Conclusão

Por fim, hoje vimos o que é gastronomia e o que o profissional desta área faz.

Ainda, pudemos acompanhar qual é a rotina básica de um chefe que, por exemplo, exerce o comando de uma cozinha e quais são as principais tarefas a serem feitas.

Outro ponto muito importante mostrado neste artigo, foi a demonstração das características necessárias que uma pessoa precisa ter para que seu desempenho seja bom nessa carreira.

Além da paixão, muitos outros aspectos como conhecimentos e relação interpessoal, acabam sendo vitais para uma posição de destaque.

Nos conte se você gostou deste artigo e comente aqui. Compartilhe-o em suas redes para que mais pessoas o vejam.

Até mais!

Nayara

2 respostas

    1. Obrigada Marcos!
      Sempre estaremos trazendo mais e mais conteúdos relevantes para ajudar a todos de diversas formas.
      Nos siga nas nossas redes sociais para ficar por dentro das novidades.
      Abraços!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Suas informações foram enviadas com sucesso. Em breve nossa equipe entrará em contato.